dezembro 11, 2013

one for the road ,


«Seria tão bom sair por aquela porta e conhecer alguém sem precisar procurar no meio da multidão! Alguém que se soubesse aproximar sem ser invasivo ou que não se esforçasse tanto para parecer interessante. Alguém de quem eu não quisesse fugir quando a intimidade derrubasse as nossas máscaras, que segurasse a minha mão e me tocasse o coração. Que não me prendesse, não me limitasse, não me mudasse, alguém que me roubasse um beijo no meio de uma briga e me tirasse a razão sem que isso me ameaçasse. Que me dissesse que eu canto mal, que eu falo demais e que risse das vezes em que eu fosse desastrada. Alguém de quem eu não precisasse.. mas com quem eu quisesse estar sem motivo certo. Alguém com qualidades e defeitos suportáveis, que não fosse tão bonito e que ainda assim eu não conseguisse olhar noutra direção. Que me encontrasse até quando eu tento, desesperadamente, esconder-me do mundo. 
Eu queria sair por aquela porta e conhecer alguém imperfeito, mas feito pra mim. Uma dose de nós os dois, por favor!»

9 comentários:

  1. Olá, estou aqui para tentar divulgar um pouco o meu blog, visto que começou á pouquinho tempo. Obrigada por perderes o teu tempo a vê-lo (:
    http://dark-paradiise.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Olá, princesa! Não tem mal, estás ‘de volta’, é o que interessa.
    Que linda! :’) Obrigada pelas tuas palavras, linda, obrigada pelo apoio e por toda a força. Obrigada mesmo!
    Beijinho gigante*

    ResponderEliminar
  3. Hei-de ficar, linda. Agora preciso é de tempo.. Um grande e sincero obrigada!
    Espero que esteja tudo bem contigo..!
    Beijinho grande*

    ResponderEliminar
  4. Fico tão contente, muito obrigada * E, posso dizer o mesmo do teu!

    ResponderEliminar
  5. Obrigada pelo apoio, querida, obrigada mesmo! Qualquer coisa que precises estarei aqui também, sempre!
    O importante é que esteja tudo bem. Que corra tudo bem e que em breve tenhas o merecido descanso (:
    Beijinho enorme* <3

    ResponderEliminar
  6. De nada, e obrigada eu querida :)
    Ás vezes é mesmo, *

    ResponderEliminar