julho 24, 2016

Darko - O deleite que foi poder ouvi-lo!


Quando soube que Darko daria uma mini-tour pelas fnacs do nosso belo país, com o objetivo de anunciar o seu mais recente álbum, Overexpressions, fiquei com as antenas ligadas, a rezar para que viesse cá ao Norte. E não é que veio mesmo? A quadruplicar! 4 vezes que algumas pessoas tiveram a oportunidade de o ver; eu, infelizmente, não tive essa sorte e só o vi 1 vez. FOI ONTEM! *-* E foi tãoo bom..
Só vos digo: tenho muito orgulho de que "num país divorciado da sua cultura", ainda haja tempo e espaço para mostrar que temos artistas excepcionais. Foi com muito deleite que o vi & ouvi, e que depois partilhei algumas palavras com ele. 
Deixo-vos com um pouco daquilo que gravei ontem, espero que gostem. ❤
[p.s: a qualidade está péssima, mas o que interessa é a voz dele.
p.s.2: esta foi a primeira música que ele compôs em português]

2 comentários:

  1. Olá, estou a tentar divulgar o meu blog porque simplesmente não há outra forma de o fazer. Muitos me conhecem por antigos blogs que aqui tive, portanto se puderem me seguir e quem sabe até gostar do que eu escrevo, agradeço imenso <3
    http://lino-miichiyo.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Apesar de o género do Darko não ser a minha praia, não há dúvidas que ele tem uma voz fantástica. Não tenho seguido os trabalhos deles, mas lembro-me perfeitamente dos tempos dos Fingertips. E tens toda a razão quando dizes que este é um país que vive divorciado da sua cultura e ver, mesmo assim, que ainda temos bons artistas que não desistem, é fantástico!
    ***

    ResponderEliminar